Doze presos conseguiram escapar por um túnel de oito metros de comprimento, aberto em uma das quatro celas da cadeia de Marechal Cândido Rondon (região oeste do Estado). A fuga ocorreu ontem, por volta das 4h30. Até o final da tarde, apenas dois fugitivos tinham sido recapturados.

Segundo o delegado Ari Nunes Pereira, os presos aproveitaram o feriado para cavar o túnel com 40 centímetros de largura. A cadeia, construída há 30 anos, tem capacidade para 18 presos e antes da fuga estava com 75.

Para tomar conta da unidade, havia apenas um carcereiro e um investigador. Foram eles que perceberam a movimentação estranha durante a noite e chamaram apoio policial. O túnel dava acesso a um terreno baldio nos fundos da delegacia.