Quando saía de uma loja no centro de Pinhais, próximo ao módulo da Polícia Militar, vestindo sete camisetas, Fabion, 33 anos, foi surpreendido pelo dono do estabelecimento. Em seguida, ele foi preso e autuado em flagrante pelo delegado Gerson Machado.

Sem dinheiro, desempregado, Fabion entrou na loja e mostrou interesse pelas roupas, pedindo para prová-las. Depois de escolher estampas e modelos, ele entrou no vestiário com oito peças para provar. Saiu com seis camisetas por baixo da que usava e devolveu duas para o vendedor, dizendo que não havia gostado de nenhuma.

Confissão

O homem saía sorrateiramente, quando foi surpreendido. Em seguida a polícia foi chamada. “O dono da loja percebeu que ele estava mais gordinho e avisou a polícia”, ironizou o delegado.

“Cada camiseta custa R$ 70,00. É muito caro e eu estou precisando de dinheiro”, justificou. “Tinha tantas que imaginei que o dono nem ia sentir falta de seis camisetas”, completou. Fabion alegou que pretendia vender as roupas e comprar alimentos. “Só foi desta vez. Nunca coloquei a mão em um revólver”, garantiu.