Policiais da Delegacia de Astorga prenderam, quarta-feira (17), um homem acusado de abusar sexualmente de um menino, de 10 anos. José Gonçalves Netto, 58 anos, estava foragido há mais de cinco meses.

Ele era procurado pela polícia depois de a mãe da criança ter registrado boletim de ocorrência, em 22 de dezembro do ano passado. De acordo com o delegado Acácio Gonzaga de Azevedo, da delegacia de Astorga, a criança afirmou que foi abusada sexualmente diversas vezes.

Ainda segundo o delegado, o suspeito é ex-diretor do Sindicato Patronal Rural de Astorga. “Munidos de mandado de prisão preventiva nossos policiais o prenderam em sua residência”, relatou. Netto foi encaminhado para a cadeia pública de Astorga, onde está à disposição da Justiça.