Uma adolescente de 17 anos alega ter sido estuprada por um homem de 36 anos, na noite de sexta-feira (1) para sábado (2), no bairro Campininha, em Campina Grande do Sul, região metropolitana de Curitiba. O suspeito foi preso horas depois que a menina conseguiu se soltar e pediu por socorro.

O crime aconteceu por volta das 20h e a menina só conseguiu pedir ajuda na manhã do dia seguinte. De acordo com o delegado João Marcelo Renk Chagas, a garota foi abordada pelo suspeito, que a obrigou a entrar num carro. “Ela disse que foi levada para um lugar ermo, onde teria sido amarrada e estuprada”, contou.

Garota foi deixada sozinha em matagal, disse o delegado.

Depois do crime, o homem foi embora e teria deixado a jovem sozinha no matagal. Ela conseguiu se desamarrar e pediu socorro.

Horas depois, um homem, apontado como o autor do estupro, foi preso pela Polícia Militar. A garota foi encaminhada ao Instituto Médico-Legal (IML) para os exames necessários para comprovar o crime.

O delegado aguarda os resultados dos exames. O homem, que já tinha passagens pela polícia por outros crimes e estava com mandado de prisão aberto por não pagamento de pensão, ficou detido.