Uma discussão em frente à casa onde morava, na Rua Laudelino Afonso da Rocha, na Vila São Pedro, em Curitiba, acabou em morte para o porteiro José Antônio Lemes de Pontes, 52 anos. O crime aconteceu por volta de 21h15 da última sexta-feira. José foi morto com um tiro no peito.

Ao lado do corpo havia uma faca limpa, que segundo o depoimento da esposa de José, ele sempre carregava consigo. No entanto, não conseguiu reagir e evitar a morte.

Os policiais militares Machado e Sérgio, do 13.º Batalhão, disseram que foram acionados pelo Siate, que chegou no local e encontrou o homem morto. ?Os vizinhos disseram ter ouvido vários tiros, mas mesmo sendo cedo ainda, ninguém viu nada?, contou Machado.

Segundo o depoimento da esposa da vítima ao investigador Castro, da Delegacia de Homicídios (DH), José, sua esposa e os dois filhos estavam morando na residência há menos de um mês. Antes disso moravam no Santa Cândida. ?Os pertences da família já estavam encaixotados novamente e, segundo a mulher, mudariam em alguns dias?, disse Castro. José tinha passagem pela polícia.