Valdecir Galor/SMCS
Megaoperação coíbe irregularidades.

A Prefeitura de Curitiba e as polícias Militar e Civil fizeram na manhã de ontem, megaoperação de fiscalização no feirão de carros do Shopping Total, no Portão. Até o meio-dia, dois carros colocados à venda foram apreendidos – irregularidades na documentação e alteração de características – e três pessoas detidas por vender aparelhos de som, baterias e pneus sem origem comprovada. Todos os vendedores ambulantes que trabalham irregularmente nas imediações do shopping também foram autuados e tiveram seus equipamentos apreendidos. O balanço da operação deve ser divulgado hoje.

José Luiz de Mello Filippetto, diretor do Departamento de Fiscalização da Secretaria Municipal de Urbanismo, explica que a Prefeitura determinou a fiscalização por causa das reclamações de moradores da região e pelo descumprimento da legislação: ?O shopping não tem alvará para comercialização de veículos em seu pátio e os ambulantes se instalaram irregularmente na região.?

Fechado

?No domingo passado fizemos trabalho de orientação aqui e hoje (ontem) voltamos para verificar os resultados e coibir as irregularidades?, explicou Filippetto. Por causa da falta de alvará, o shopping não abriu os portões, ontem, para receber os vendedores de carros, aumentando o tumulto no local.

Para a fiscalização, a Diretran fechou as ruas laterais do shopping e multou todos os veículos estacionados irregularmente.