Policiais civis prenderam três suspeitos de participarem da morte do empresário Marco Antonio Sartori, em 15 de janeiro, no bairro Interlagos, em Cascavel, região Oeste do Estado, na tarde de segunda-feira (11).

De acordo com o delegado da 15.ª Subdivisão Policial de Cascavel, Antonio Donizete Botelho, há um mês a polícia investigava o caso. ?Constatamos que os três seriam os autores da morte de Sartori e solicitamos a prisão deles à Justiça?, afirmou Botelho. O delegado informou que a arma que foi usada para matar Sartori, ainda não foi encontrada. ?Os policiais estão trabalhando com muito rigor para que a arma do crime seja encontrada o mais rápido possível?, contou.

Segundo a polícia, os três suspeitos já possuem passagens pela polícia por roubo e por outros homicídios. Eles serão indiciados por homicídio qualificado e seguem detidos na 15.ª SDP de Cascavel. ?O trabalho da polícia foi realizado com êxito, conseguindo assim, elucidar mais um crime cometido em Cascavel?, completou Botelho.