Documentos apreendidos
eram usados nos golpes.

A cada dia pessoas mal-intencionadas diversificam a maneira de aplicar golpes e lesar pessoas. Na tarde de quarta-feira, policiais do 5.º Distrito (Bacacheri) prenderam um homem acusado de realizar compras na internet utilizando documentação furtada. Silvio Rosa da Conceição, 39 anos, foi autuado por estelionato, receptação e falsidade ideológica.

De acordo com informações do superintendente Peter, o acusado conseguiu se apropriar da documentação das vítimas aplicando golpes “do paco” (maços de papel imitando dinheiro) e do bilhete premiado. Os golpes são antigos e conhecidos mas, desta vez, o que interessava para o estelionatário não era o dinheiro e sim documentos, cartões de crédito e talonários de banco das vítimas. A partir desses objetos, ele conseguia realizar compras, principalmente utilizando sites da internet.

Prova

Uma prova concreta do golpe foi apreendida junto com Silvio: uma televisão nova que ainda estava encaixotada. A compra foi realizada através de um site de uma grande loja de departamentos e para isso Silvio utilizou dados de documentos furtados.

O homem foi preso quando entrava em um táxi na região do Alto Maracanã, em Colombo. A polícia chegou até ele após rastrear o cheque dado para a compra do equipamento eletrônico. Foi descoberta a loja onde a televisão foi comprada e depois o endereço onde seria feita a entrega do eletrodoméstico. Com Silvio foram apreendidos diversos cartões de crédito, de financiadoras, cheques e outros documentos. Tudo material furtado de vítimas. O superintendente acredita que ele tenha aplicado mais de dez golpes. Quem reconhecer o detido que entre em contato com o 5.º Distrito, através do telefone 256-5233. Silvio já conta com antecedentes criminais por estelionato, segundo a polícia.