A partir do mês que vem 106 novos policiais civis devem integrar o quadro da instituição. O decreto que permite a nomeação dos novos funcionários foi assinado ontem pelo governador Roberto Requião. Serão 46 investigadores, 36 escrivães e 24 auxiliares de necropsia.

Os investigadores de polícia e escrivães, aprovados no concurso de 1997, vão ingressar no quadro de 5.ª classe da categoria. Curitiba e região metropolitana receberão 20 investigadores e três escrivães. Os outros aprovados serão lotados no interior do Estado. Já os auxiliares de necropsia, aprovados em concurso público do ano passado, vão ingressar no quadro da categoria de 4.ª classe. Cerca de 80% deles serão lotados nas 19 seções do interior do Paraná. O restante ficará em Curitiba e região metropolitana.

Exames

Todos os aprovados serão submetidos a exames clínicos e laboratoriais e passarão por uma perícia médica. Os auxiliares de necropsia terão ainda de passar por um curso intensivo na Escola da Polícia Civil.

Os aprovados da Capital e região metropolitana deverão comparecer a partir da próxima segunda-feira na sede da Secretaria de Estado da Segurança do Paraná (Rua Deputado Mário de Barros, 1290, 5.º andar, Centro Cívico) para retirar a lista de documentos e exames a serem realizados. Já os aprovados do interior deverão procurar uma das 20 Subdivisões Policiais do Estado. A previsão é que a lista dos nomeados seja publicada em Diário Oficial na próxima semana. Mais informações podem ser conseguidas pelo telefone (41) 313-1939.