A Polícia Civil apresentou ontem um dos suspeitos de matar Luana Blanc Ferrante, 19 anos, e balear sua amiga, de 17, em Araucária na madrugada de quarta-feira (12), dentro de um Gol branco no Jardim Primavera. Segundo a polícia, Luan Arion Rodrigues, 25, foi preso em casa, depois que imagens de câmeras de segurança o identificaram. Michael Douglas dos Santos, 23, apontado como autor do crime, é procurado pela polícia.

Na casa de Luan, no bairro Shangrilá, os investigadores encontraram a bolsa da adolescente, que permanece internada. Luan afirma que não participou do crime. “Confesso que estava junto, tentei acalmar o Michael, pedi para ele não fazer o que fez, mas eu senti medo de morrer também”, contou.

Divulgação
Michael esta foragido.

Gasolina

Os quatro se conheceram em uma balada no Sítio Cercado. Segundo o rapaz, que continua preso na delegacia de Araucária, tudo começou depois que as duas jovens não aceitaram ir até a cidade da região metropolitana, para depois serem levadas para a casa no Pinheirinho. “Elas não entenderam que faltava gasolina, nós tentamos explicar e ele se irritou. Não imaginava que ele tinha uma arma, eu mal o conhecia”, disse Luan.

Sobre a bolsa, ele disse que levou sem segundas intenções. “Não pensei que poderia me complicar. Se eu soubesse que esse crime aconteceria, jamais teria convidado Michael para sair e muito menos levaria as duas meninas junto. A garota baleada me conhece e sabe que eu jamais faria isso”, completou.

Rejeição

Para o delegado Amadeu Trevisan, eles tentaram ficar com as jovens, mas foram rejeitados. “Um deles foi para casa e pegou a pistola. Eles ameaçaram e elas não devem ter acreditado muito, então dispararam”, contou.

Ainda segundo o delegado, Michael tem passagem por homicídio. O carro que estava com a dupla foi apreendido na casa de Michael e a mãe contou à polícia que o filho saiu de casa por volta das 6h de quinta-feira e não fez mais contato. Informações sobre o paradeiro do rapaz podem ser passadas para a delegacia, pelo telefone 3642-2000.