Sílvio tentou fugir da polícia.

Denúncias de que um homem alto, moreno, proprietário de um Fusca, estava comercializando crack, no Bairro São Braz, no Jardim Gabineto e em Santa Felicidade, resultaram na prisão na Silvio Moura de Almeida, 31 anos. Ele foi apanhado por policiais do 12.º Distrito Policial (Santa Felicidade) com 20 gramas de crack e autuado em flagrante por tráfico de drogas.

O delegado Antônio Macedo de Campos Júnior, titular do distrito, disse que os investigadores Ali, Jaime e Elias estavam investigando o caso há alguns dias e segunda-feira, por volta das 16h, conseguiram localizar um suspeito. Ao tentarem fazer a abordagem, o homem tentou escapar e foi preciso atirar no pneu do veículo. “As pedras já estavam embaladas para a venda”, comentou o delegado, acrescentando que Silvio já responde a inquérito por furto naquele distrito.

Guerra

Macedo avisou que declarou guerra aos tráfico de drogas. “Em um mês retiramos três traficantes de circulação”, ressaltou, referindo-se as prisões de Valtensil Gonçalves, o “Valtão”; Juliano Rodrigues, conhecido como “Chuim”; e Emerson Aparecido Felício, o “Negão”. “Contamos com a ajuda da comunidade. São os traficantes os principais receptadores de objetos furtados e roubados na região, além de estarem envolvidos em outros crimes, como homicídio”, salientou o delegado. Ele adiantou que já identificou outros três traficantes, que agem na área do distrito.