Policiais do 13.º Batalhão da Polícia Militar perseguiam uma Toyota Hillux recém-roubada no Boqueirão na tarde de ontem, quando bateram em uma caminhonete S-10 que estava estacionada em uma estrada de terra próximo ao zoológico. Não se sabe a causa da colisão, já que havia espaço para desviar do veículo, embora a PM diga que a S-10 estava estacionada irregularmente. Os policiais e o motorista da caminhonete sofreram apenas ferimentos leves.

A primeira informação repassada à imprensa foi que os policiais teriam confundido as caminhonetes e saíram atrás da S-10, que parou na Rua Arcísio da Cunha Niclewicz perto do cruzamento com a Rua João Miquelotto. A viatura não teria conseguido frear a tempo de evitar a colisão.

A área onde houve o acidente foi isolada e nenhum policial quis explicar como ocorreu a colisão nem quem eles perseguiam.

Assessoria

A assessoria de imprensa da PM desmentiu a confusão. Um policial de folga teria visto o roubo da Hillux na Rua Francisco Derosso e iniciado a perseguição aos bandidos. Quando a viatura do 13.º BPM assumiu, ele abandonou a ocorrência.

Segundo a PM, a S-10 estava estacionada irregularmente, porque a via não tinha acostamento, e os policiais teriam colidido contra ela.
Os policiais e o motorista da caminhonete foram encaminhados ao Hospital do Trabalhador. A PM informou que será instaurado inquérito técnico para apurar as causas do acidente.

Paraná Online no Google Plus

Paraná Online no Facebook