Neste domingo (7), servidores da Receita Federal e da Polícia Federal (PF) prenderam em flagrante uma pessoa, com grande quantidade de medicamentos contrabandeados do Paraguai, no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu, Oeste do Estado.

Na manhã de domingo, um Analista Tributário da Receita Federal notou algo estranho na bagagem de um passageiro que pretendia embarcar em um voo, com destino à cidade de Manaus, no Amazonas. Ao fiscalizar as malas, constatou que uma grande quantidade de medicamentos, 1.100 cartelas de Cycotec e 100 cartelas de Pramil, sem nenhuma documentação legal.

O passageiroo confessou que adquiriu os medicamentos em Ciudad Del Leste, no Paraguai, e que estaria lenvando-os para Manaus, onde venderia o material. Ele teria pago pelos produtos US$ 3.200.

Diante da situação, foi dada voz de prisão em flagrante ao rapaz, que juntamente com a mercadoria apreendida, foram encaminhados à Delegacia de Polícia Federal em Foz do Iguaçu, para as providências legais.