Vítimas de assaltantes, dois homens foram assassinados a tiros, na noite de sexta-feira, na Estrada Bom Retiro, no bairro Cedrinho, a quatro quilômetros do centro de Bocaiúva do Sul. Os três criminosos fugiram no Fiat Tipo de uma das vítima, placa BUJ-6161, de Bauru (SP). Ninguém sabe ao certo o que aconteceu, mas a polícia acredita que Cristiano Gonçalves Pereira, 29 anos, e Ednei Mário Ruman, de 32, que residem em Curitiba, no bairro Pinheirinho, foram seqüestrados pelo trio, que os levou até Bocaiúva para matá-los. Cada uma das vítimas levou um tiro peito.

O soldado Paulo Godoi, que atendeu a ocorrência junto com seu colega Douglas da Cruz, ambos do 17.º Batalhão, informou que por volta das 20h30, uma pessoa telefonou anonimamente para o destacamento da PM em Bocaiúva do Sul, relatando que passou pela Estrada Bom Retiro, que dá acesso à chácaras, e viu três homens agredindo outro. A testemunha anotou a placa do Fiat e informou para os policiais.

Baleado

Minutos depois, uma outra pessoa se dirigiu até o destacamento da PM e contou que havia socorrido um rapaz baleado, às margens da Estrada do Cedrinho, nas proximidades. O jovem Cristiano estava muito ferido, mas conseguiu contar a pessoa que lhe prestou socorro que ele e o amigo Ednei havia sido vítimas de assaltantes. O rapaz disse ainda que o amigo também tinha sido ferido e não sabia dizer se ele estava vivo.

Cristiano foi levado pelo homem até o Hospital Santa Júlia, em Bocaiúva. De lá foi removido de ambulância até o Hospital Angelina Caron, em Campina Grande do Sul, onde deu entrada às 21h30, mas não resistiu e morreu uma hora depois.

Estrada

Os policiais militares foram até o local indicado e não demoraram a achar o corpo de Edinei. “Achamos a carteira com documentos dele, mas não tinha dinheiro. Ele também estava com o documento do Tipo, que foi levado pelos marginais”, salientou o soldado Paulo. Segundo o policial, os três marginais fugiram em direção ao município de Colombo. Até a manhã de sábado, o carro não havia sido encontrado.