enkontra.com
Fechar busca

Painel do Crime

Operação Além Mar da PM prende mais de 160 pessoas

Durante as atividades, foram apreendidas mais de duas toneladas de maconha

  • Por Polícia Militar

Mais de 160 pessoas foram presas durante a Operação “Além Mar”, realizada pela Polícia Militar Paranaense, desde maio deste ano até esta quinta-feira (19), no litoral paranaense. O objetivo desta ação histórica foi desmantelar quadrilhas envolvidas com o tráfico de drogas que agiam na Costa Leste. “Observamos que com o término da Operação Verão 2012/2013 houve um aumento na movimentação do tráfico de drogas nos municípios litorâneos do Paraná. Devido a esta intensificação nos crimes, foi desencadeada a operação”, explica o Comandante da 2ª Companhia do 9º BPM, capitão César Kamakawa.

No final do mês de agosto, com o apoio do Poder Judiciário e do Ministério Público, a Polícia Militar intensificou as atividades da operação “Além Mar” e conseguiu se antecipar às ações criminosas, sendo esta a operação mais longa já realizada no litoral do estado, a qual serviu para preparar os municípios litorâneos para receberem os veranistas durante as festividades de final de ano e as férias escolares.

”Iniciamos essas atividades em meados de agosto e estamos finalizando agora próximo a temporada com resultados significativos em toda a região, historicamente a maior operação com os melhores resultados no litoral do estado, superando a quantidade de duas toneladas de drogas apreendidas, inúmeras armas e pessoas envolvidas com o crime de tráfico e entre outras pessoas que vem trazendo desassossego para nossa população”, conta o capitão Kamakawa.

Desde então a PM já realizou a prisão de 162 pessoas, das quais 53 eram integrantes de organizações criminosas e 61 não estavam ligadas ao crime organizado. As ações também resultaram na apreensão de 16, mais de toneladas de maconha, 50 Kg, 35 pedras e sete buchas de crack, 2,4 Kg e oito buchas de cocaína e 0,2 gramas de oxy.

A operação, que conta com ações pontuais em locais pré-definidos, tinha como intuito reduzir e coibir o tráfico de entorpecentes e outros crimes como furto, roubo, prostituição, homicídios, dentre outros, além de identificar pessoas envolvidas nestas situações.

“Houve uma mudança de hábito do traficante em atuava somente no período noturno, onde os viciados procuram a droga e próximo ao raiar do dia eles estão recolhendo esse dinheiro nos pontos tidos como comércio de drogas. Por conta disso, nós também estamos modificando o perfil de atuação da Polícia Militar, justamente por causa dessa migração de horários e até a maneira de atuação dos traficantes”, ressalta o Comandante da 2ª Companhia do 9º BPM.

“Mesmo com a prisão dos principais alvos da operação, a Polícia Militar vai dar continuidade nesses trabalhos, isso porque nós sabemos que acontece da substituição de um chefe do tráfico por outro”, complementa o capitão Kamakawa.

Siga a Tribuna do Paraná
e acompanhe mais novidades

Últimas Notícias

Mais comentadas