O pedreiro Fabiano Nóbrega, de 28 anos, foi morto a pedradas durante a madrugada de ontem no bairro Borda do Campo, em São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). Ele teve a cabeça completamente desfigurada pelas agressões. Pedaços da massa encefálica ficaram espalhados pela calçada da Rua Antônio Peniche de Moura, e o corpo da vítima foi arrastado até o capinzal ao lado, onde foi encontrado pela manhã.

Fabiano era usuário de drogas há 13 anos e há alguns meses não conseguia serviços como pedreiro. A família tentou tirá-lo do vício, mas não teve sucesso, diferente do que aconteceu com o irmão do rapaz, Paulo, que após cinco anos no mundo das drogas, conseguiu sair com a ajuda da igreja.

“Na tarde de sexta-feira, ele saiu para pescar e não voltou mais”, disse o pai do rapaz. O crime será investigado pela delegacia de São José dos Pinhais. Nenhuma testemunha foi localizada na cena do crime.