Foto: Alberto Melnechuky/Tribuna
Caminhão na contramão
atinge moto.

Os auxiliares de produção Anderson Luiz Ferreira, 22 anos, e Ronaldo Emiliano Pereira, 24, não puderam concluir o trajeto entre suas residências e a empresa onde trabalhavam, na tarde de domingo. Anderson morreu instantaneamente após um caminhão colidir de frente com a moto que ele conduzia, a CG Titan placa AMZ-2771. Ronaldo, o garupa, foi arremessado longe da moto e foi atendido pelo Siate e levado, em estado grave, ao Hospital Cajuru. Populares disseram que o garupa saiu do local bastante machucado e com as duas pernas fraturadas.

Ariel, irmão de Anderson, testemunhou o acidente. Pouco depois das 17h, seu irmão e o amigo seguiam rumo ao trabalho, na empresa Fermax, em Colombo, quando, em uma descida da Rua Airton Luiz Nodari, em frente à residência 387, bairro São Gabriel, foram surpreendidos pelo caminhão baú placa CDE-0290, que trafegava na contramão, ultrapassando um carro.

Segundo uma moradora, Anderson bateu a cabeça no pára-brisa do caminhão e já caiu sem vida. O motorista, morador próximo dali, evadiu-se do local com medo de ser linchado. Os soldados Filho e Santana, do Projeto Povo da Vila Zumbi, não conseguiram identificar o motorista. O caminhão pertence a uma empresa, que deverá apontar o nome do condutor. O caso é atendido pela delegacia do Alto Maracanã, em Colombo.