Alberto Melnechulky / Tribuna
Daniel dos Santos perdeu a vida na confusão.

Uma pessoa morta e outra ferida foi o triste resultado de uma briga, na saída de um bailão da Rua Antônio Morreira Lopes, próximo da esquina com a Rua Rio Iguaçu, Jardim Acrópole, Cajuru. A confusão começou por volta das 3h de ontem. Daniel Bispo dos Santos, 23 anos, recebeu um profundo corte na garganta, feito com um caco de garrafa, e morreu na hora, enquanto Dirceu de Freitas, 28, foi baleado na barriga e na perna, e levado ao Hospital Cajuru, por populares.

Arma

A polícia conseguiu poucas informações sobre o que aconteceu. Segundo comentários, Daniel seria o autor dos disparos que feriram Dirceu, mas a arma usada, um revólver, calibre 38, não foi localizada. As investigações estão a cargo da Delegacia de Homicídios, que espera a recuperação do ferido para obter mais dados e solucionar o caso. Daniel morava na Rua João Tobias de Paula Neto, naquele mesmo bairro. A mãe do rapaz contou que ele havia sido esfaqueado há cerca de 10 dias e ainda apresentava a cicatriz de uma traqueostomia, mas não soube dizer o motivo.