A Operação Módulo Móvel Itinerante (MMI) da Guarda Municipal retornou nesta terça-feira (22) ao bairro Guabirotuba. A pedido da comunidade local, depois de uma ação no mês de junho a Guarda leva novamente ao bairro um módulo móvel, que ficará instalado até o dia 5 de novembro na Praça Abílio de Abreu.

“A experiência anterior foi ótima e por isso pedimos a volta do módulo. É uma reivindicação da própria comunidade para que tenhamos mais segurança e tranquilidade. Esperamos mais sossego com o monitoramento da região”, afirma Iron Ayres, presidente do Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) do Guabirotuba. Segundo ele, o principal problema do bairro é o vandalismo, além de furtos e assaltos às residências locais.

Denir Adriano Tomé dos Santos, também membro do Conseg do Guabirotuba, lembra que durante os finais de semana cerca de 2 mil pessoas frequentam a praça, com alto consumo de bebidas. “O policiamento no local acaba amenizando os transtornos causados. As pessoas agem com mais respeito, abaixam o som dos carros”, diz.

Além do módulo, a Guarda Municipal também terá uma viatura circulando 24 horas pelo entorno da praça, fazendo a segurança preventiva da região. “É um trabalho de polícia comunitária, atuando ao lado da comunidade e dos Consegs”, informa o inspetor Adelson Lopes, chefe do Núcleo Regional da Guarda Municipal no Cajuru.

O administrador regional do Cajuru, Francisco Caetano Martin, destaca o trabalho da Guarda na Operação MMI, com um policiamento mais próximo do cidadão curitibano.

“Temos uma grande população residencial no Guabirotuba, principalmente de idosos, que necessita deste tipo de ação. Todo o esforço é bem-vindo para garantir mais segurança à região”, confirma.

A Operação MMI foi lançada em abril. Em seis meses, os módulos móveis da Guarda Municipal foram levados a diversos bairros e pontos do Centro da cidade, diminuindo os índices de violência nas regiões atendidas.