Ninguém viu nem sabe o motivo pelo qual Paulo Cezar Malinoski, 42 anos, foi encontrado baleado dentro do Gol, placa ANA-9799, às 22h40 de domingo, na Rua Antônio Guarezi, Vila Torres, em Campo Largo. A vítima recebeu quatro disparos e foi encaminhada em estado grave ao Centro Médico da cidade mas faleceu logo em seguida.

Socorro

De acordo com informações da Polícia Militar, milicianos da viatura 5404 do 17.º Batalhão faziam patrulhamento pela região de Ferraria quando notaram que uma pessoa solicitava socorro na rua. Ao verificar o pedido, encontraram um homem caído dentro do carro com perfurações de tiros pelo corpo. Uma ambulância foi acionada e conduziu o ferido para o pronto socorro. Os policiais que atenderam a ocorrência não conseguiram levantar nenhuma informação sobre os possíveis autores do crime. Paulo foi atingido por quatro disparos distribuídos pelo ombro, pescoço e costas.

Antecedentes

A delegacia de Campo Largo já tem conhecimento do caso e está realizando diligências na localidade do crime para conseguir informações que levem à elucidação do homicídio. De acordo com o escrivão-chefe da delegacia local, Luiz Carlos, a partir de hoje a polícia deverá ter novas pistas. Na delegacia foi levantada a ficha criminal da vítima e nela consta sete passagens por delegacias de São José dos Pinhais e Curitiba. Segundo os registros da polícia, Paulo Cezar tem passagens por furto, extorsão mediante seqüestro, receptação, estelionato, ameaça e lesões corporais.