Uma pessoa procurou a delegacia de Colombo para denunciar que teve sua carteira de identidade falsificada e um terreno, situado em Curitiba, vendido por dois homens presos esta semana. A propriedade foi transferida para uma imobiliária, localizada no centro da capital, e que, segundo a polícia, também participava do golpe. O delegado Hamilton Cordeiro da Paz autuou em flagrante Franscisco Elimar Silveira de Farias, 50 anos, e Geraldo Sabino de Andrade, 65. Segundo Hamilton, a dupla pertencia à mesma quadrilha desmantelada no último dia 13, por policiais do 11.º Distrito Policial (CIC), que prenderam Daniel Pereira Specht, 39, e Messala Alfredo Brito, 36. ?Nós já tínhamos identificado o Francisco e solicitado a decretação da prisão dele à Justiça?, contou o delegado Gerson Machado, titular do distrito.

Golpe

De acordo com a polícia, após conseguirem cópia da escritura do terreno escolhido, eles a falsificavam e faziam uma procuração com um nome falso, para negociar o imóvel.