A polícia já identificou o autor da execução de Cristiano Cardoso, 18 anos, que aconteceu na segunda-feira, no Jardim Arvoredo, em Araucária. Trata-se de Elias José da Silva, 24, que já tem diversas passagens pela polícia. O delegado Jairo Estorílio, titular da DP local, disse ter apurado que, na noite de domingo, Cristiano percorreu a vila pedindo R$ 80,00, para quitar a dívida com um tal de "Cabelo".

O delegado informou que "Cabelo" tem passagens pela delegacia e foi identificado facilmente. "Temos informações que ele estava comercializando drogas na região", salientou Jairo, que já solicitou a prisão do acusado à Justiça. "Este rapaz é o terror do Jardim Arvoredo", comentou o policial.