Carlos Roberto dos Santos, 23 anos, lavador de carros: esta é a identidade do rapaz assassinado com cinco tiros na Rua João Bettega, Cidade Industrial de Curitiba, às 2h30 de sábado. Parentes reconheceram ontem o corpo do rapaz no Instituto Médico-Legal. Segundo o primo da vítima, Norival da Silva, Carlos estava em um bar na mesma rua, a 100 metros do local dos disparos. Um amigo que o acompanhava foi embora pouco antes do assassinato. A partir daí, os últimos passos do lavador são incertos. Uma moça loira, que foi vista em companhia de Carlos, pode ser uma pista dos motivos do crime. “Parece que havia um homem enciumado”, revelou Norival, acrescentando que o primo não tinha passagem pela polícia e nunca queixara-se de ameaças. Carlos, que morava na Cidade Industrial, levou três tiros no peito e dois nas costas e caiu morto em frente a um mercado.