O inquérito que investiga a colisão em que se envolveu o ex-deputado estadual Luiz Fernando Ribas Carli Filho (foto) deve ser concluído até o fim da semana que vem.

A informação é do delegado da Delegacia de Delitos de Trânsito de Curitiba (Dedetran), Armando Braga.

O acidente, ocorrido no Mossunguê, completa três meses hoje. Gilmar Rafael Yared e Carlos Murilo de Almeida morreram na hora.

O prazo determinado pela prorrogação do inquérito que foi pedida duas vezes pelo delegado terminaria hoje.

Braga afirmou que não será necessária nova extensão do prazo, já que os laudos do Instituto Médico-Legal (IML) devem ficar prontos até quarta-feira. “O inquérito só pode ser finalizado quando todas as peças estiverem reunidas, e eu ainda dependo desses laudos”, afirmou o delegado. O exame de dosagem alcoólica do sangue de Carli Filho confirmou que ele dirigia embriagado na madrugada do acidente (7 de maio).

Manifestação

A família Yared pretende realizar hoje duas manifestações no local do acidente (uma ao meio-dia e outra às 17h). A ideia é distribuir adesivos e camisetas, dando continuidade à campanha de paz no trânsito.

A última informação divulgada pela família do ex-deputado é que ele se recuperava do acidente em Guarapuava, centro-sul do Estado, onde seu pai é prefeito.