Amigos, colegas de trabalho e alunos de Gestão Empresarial da Uninter que estudavam com Louise Sayuri Maeda, 22 anos, foram ouvidos na Delegacia de Vigilância e Capturas ontem.

Infelizmente, os depoimentos não trouxeram nenhuma informação que pudesse auxiliar a polícia a localizar a gerente de uma iogurteria do Shopping Mueller, que desapareceu depois de sair do trabalho, na noite de 31 de maio.

De acordo com o delegado da DVC, Marcelo Lemos de Oliveira, imagens de empresas que ficam nas redondezas e das câmeras da prefeitura serão analisadas hoje pelos investigadores.

Louise foi vista pela última vez pelas amigas, no ponto de ônibus que fica em frente à Praça 19 de Dezembro. No local, ela diariamente embarcava para o Barreirinha, onde mora.

Apoio

Policiais do Tático Integrado de Grupos de Repressão Especial (Tigre), especializados na investigação de sequestros, também auxiliam na busca por Louise, mesmo que nenhum pedido de resgate tenha sido feito. Quem tiver informações sobre o paradeiro da jovem pode auxiliar a polícia pelo telefone 3219-9700, não é necessário se identificar.