Policiais da Delegacia de Homicídios identificaram o autor do assassinato do montador de móveis Marins de Oliveira, 33 anos, morto a facadas e a pedradas, na madrugada do dia 2 de outubro, após sair de um bar na Vila Formosa. O delegado Wilson Jacob informou que o autor é um garoto de 17 anos, que confessou o crime e alegou ter agido em legítima defesa. “Também indiciei em inquérito policial Amauri Roberto Ferreira, 31 anos, como co-autor”, contou o policial.

Segundo o delegado, o menor relatou o crime com riquezas de detalhes. O garoto contou que estava no bar quando Eliandro Aparecido França, 30 anos, e Marins começaram a brigar. Os dois estavam conversando e a discussão começou quando Eliandro disse a várias pessoas que tinha mantido relações sexuais com a irmã dele. “O menor disse que foi separar a briga e apanhou de Marins. Por este motivo apanhou uma faca de serra e foi embora. No caminho encontrou com Marins, que teria tentado agredi-lo novamente, e o esfaqueou.