O vendedor de carros e televisores de plasma Wlaudemir Pereira Neves, 43 anos, foi assassinado com um tiro no pescoço, por volta das 19h30 de ontem, provavelmente durante tentativa de assalto, em frente a sua casa, na Rua Barão do Santo Ângelo, Vila São Pedro, Xaxim. Os autores do crime foram dois homens, que fugiram e não foram identificados.

O investigador Melo, da Delegacia de Homicídios, que atendeu o local junto com seu colega Ayrton, acredita que os criminosos marcaram um encontro na casa da vítima, já que ele costumava comprar televisores de plasmas e veículos para revender.

Assim que entraram, teriam anunciado o roubo. Em seguida, amarraram a vítima no banheiro usando um fio de aparelho de som. “Tudo indica que o homem conseguiu escapar e, por isso, deram o disparo, que acertou a porta do banheiro e atingiu o pescoço de Wlaudemir”, contou Mello. “Talvez tenham disparado porque se assustaram com a vítima, que é de grande porte. Os autores foram descritos como dois homens magros”, acrescentou.

Rastro

Melo supôs que após o disparo, os bandidos resolveram deixar o local sem nada levar. “Testemunhas os viram saindo da casa e embarcando em um Gol cinza”, contou. Logo depois, Wlaudemir começou a gritar por socorro e caminhou até a frente da residência, deixando o rastro de sangue.

Apesar de as circunstâncias serem de assalto, o investigador Melo disse que há dúvidas se houve latrocínio (roubo com morte) ou execução. “Vamos aguardar o exame de necropsia para verificar a trajetória do projétil”, disse. Policiais da Delegacia de Furtos e Roubos (DFR) também estiveram no local.