Vinte dias depois de ser baleado na nuca, em Colombo, Alessandro Subtil, 27 anos, não resistiu aos ferimentos. Ele morreu na tarde de segunda-feira (05) no Hospital do Trabalhador, em Curitiba.

No dia 17 de outubro, segundo familiares, Alessandro foi chamado na porta de casa por um amigo, e saiu de moto com ele por volta das 18h. Às 22h30, socorristas do Siate foram acionados para socorrê-lo na Rua Guilherme Rodbard, perto da esquina com a Rua Alexandro Guebur, Jardim Modelo.

Alessandro foi baleado na nuca e estava inconsciente. Ele foi encaminhado ao Hospital do Trabalhador, onde morreu nesta semana, vinte dias depois. A equipe da Delegacia do Alto Maracanã deve investigar o homicídio, mas ainda não tem nenhuma informação sobre a autoria do disparo.