Chuniti Kawamura
Chuniti Kawamura

Um incêndio, que pode ter origem criminosa, destruiu parcialmente
três lojas no centro de Curitiba,
na manhã de ontem.

Um incêndio, que pode ter origem criminosa, destruiu parcialmente três lojas no centro de Curitiba, na manhã de ontem. O fogo começou na Frischmann?s – loja de roupas -na Rua Conselheiro Laurindo, quase esquina com a Rua Benjamim Constant, pouco antes das 6h. As chamas se alastraram e atingiram outras duas lojas à esquerda do comércio: um salão de beleza e um imóvel vazio, que estava para alugar. Não houve vítimas.

De acordo com estimativas do Corpo de Bombeiros, na loja de roupas, a destruição chegou a cerca de 200 metros quadrados. No salão de beleza, o fogo atingiu aproximadamente 150 metros. No imóvel vazio, apenas 20 metros quadrados foram queimados. Cerca de 60 mil litros de água, 20 bombeiros e cinco caminhões de combate à incêndio foram necessários para apagar o fogo e fazer o rescaldo, num trabalho que durou seis horas e quinze minutos. Durante esse tempo, a Direção de Trânsito (Diretran) foi acionada para bloquear a quadra e reorganizar o trânsito.

Por volta das 5h30 de ontem, os moradores de um prédio ao lado ouviram barulho e, ao verificar o que acontecia, viram homens no telhado da loja. Suspeita-se que os marginais tentaram invadir o estabelecimento para furtá-lo e quando o alarme disparou, um curto circuito no sistema gerou o incêndio.