Cristiane foi apanhada
com crack e maconha.

Duas mulheres acusadas de comerciar drogas no Cajuru foram detidas por policiais militares do Regimento de Polícia Montada, RPMont, no fim da tarde de quinta-feira. Cristiane Regina Pereira, 29 anos, e Sirlei Silva dos Santos, 26, foram levadas ao 6.º Distrito Policial, naquele bairro.

Durante um bloqueio policial, como parte de mais uma operação “Fecha Quartel”, desenvolvida pela Polícia Militar, foi detido um rapaz, de 20 anos, em uma motocicleta. “Encontramos um pacotinho de maconha na meia dele”, relatou o tenente Custódio. Com informações do detido, a PM foi até a casa de Cristiane, na Rua José Fabiano Barcik.

Drogas

De acordo com o tenente, Sirlei estava com três buchas de maconha. Em seguida, Cristiane chegou e entregou o restante da “mercadoria”. Ao todo, foram apreendidos cerca de 150 gramas de maconha, uma pedra grande de crack e mais 10 pedras pequenas da mesma droga. “A Sirlei ajudava a Cristiane a vender os entorpecentes”, registrou o tenente.

As mulheres porém negaram que traficassem na região. “É tudo para meu consumo, sou viciada em maconha, crack e cocaína”, assumiu Cristiane. Sirlei, que trabalha como doméstica para a outra detida, também disse que só é usuária de maconha. “Ela me paga R$ 50,00 por mês e me dá droga”, relatou. No 6.º Distrito Policial, Sirlei foi novamente ouvida e liberada. Já Cristiane foi autuada por posse e tráfico de drogas e encaminhada ao 9.º DP (Santa Quitéria).