Claudimir Marcelo Maus, 36 anos, por pouco não escapou de ser preso, na madrugada de ontem. Ele estava com documentos falsos de policial civil, uma arma de uso restrito e munição.

A prisão ocorreu no Boqueirão, quando a Polícia Militar procurava pelo suspeito de assaltar uma mulher. Claudimir era passageiro num Gol branco e foi abordado, mas mostrou a identificação falsa e não deixou que os PMs o revistassem.

Desmascarado

Desconfiados, os PMs acionaram o Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), que abordou o suspeito duas quadras adiante, na Rua Salvador Ferrante, e constatou a falsidade do documento.

Ele também portava uma pistola ponto 40 com a identificação raspada e cinco cartuchos de munição intactos. Claudimir foi levado ao Centro Integrado de Atendimento ao Cidadão (Ciac-Sul), onde foi autuado por porte ilegal de arma, uso de documento falso e usurpação da função pública. O motorista do Gol nada tinha de suspeito e foi liberado.