Alberto Melnechuky
Gilmar correu, mas não escapou.

Cinco meses depois de ter sido esfaqueado por Gilmar Guilherme dos Santos, 26 anos, um homem conhecido como "Jacó", voltou para se vingar. Às 18h15 de sábado, ele se armou com um revólver na Rua Joel Carzino, no Pinheirinho, executou com cinco tiros seu agressor. Atingido nas costas, na mão esquerda, no pescoço e no braço, Gilmar ainda tentou escapar, mas foi perseguido e tombou morto dentro de uma casa, na Rua Joel Carzino, 63, na Vila Acórdes.

De acordo com informações apuradas por policiais da Delegacia de Homicídios, Jacó e Gilmar tinham uma rixa antiga. Pouco antes do crime, Jacó passou pela rua, na garupa de uma motocicleta, observando a movimentação. Minutos depois, retornou sozinho e praticou o crime.