Dois homens foram assassinados na noite de domingo de Páscoa, em Colombo. O vendedor Josnei Costa da Silva, 26 anos, foi morto com três tiros, por volta das 18h30, no Jardim Curitibano, dentro do carro que dirigia.

Cerca de 4h depois, o pedreiro Joelson Medeiros Mendes, 39, foi assassinado na Rua Remaldo Dambyski, na Vila Zumbi dos Palmares. O assassino de Josnei esperou, na Rua Ana de Souza Strapasson, que o vendedor diminuísse a velocidade do veículo para passar por uma lombada, para atirar.

Segundo o cabo Siqueira, do 17.º Batalhão da Polícia Militar, os parentes da vítima não deram muitas informações sobre a vida do rapaz. “A esposa esteve no local e ficou surpresa com o crime. Ela disse que ele não estava envolvido com nada que pudesse resultar em sua morte”, contou o policial.

Família

Joelson foi morto com dois tiros. Segundo testemunhas, ele era muito benquisto na vila, não tinha inimigos e o motivo do crime pode ser o envolvimento de um parente com o tráfico de drogas.

O sargento Mauro, do 17.º BPM, disse que várias pessoas estiveram no local de morte e lamentaram a morte. “Todos confirmaram que ele costumava beber, mas não era usuário de drogas”. Alguns moradores, que não quiseram se identificar, disseram que o autor foi identificado como “Batoré’, mas a polícia não confirmou a informação.