Alberto Melnechuky
Desconhecido estava algemado,
no porta-malas.

O resultado do exame de DNA, que deve ser entregue à polícia nos próximos dias, poderá esclarecer se o policial militar Marcos Paulo Sales é o homem que foi encontrado carbonizado no último dia 25. Marcos desapareceu um dia antes do encontro do cadáver, algemado dentro do porta-malas de um Gol.

Na semana passada foram recolhidas amostras de sangue do pai do policial militar. O material foi confrontado com o retirado do corpo carbonizado, e o exame deve ser concluído nos próximos dias.

Marcos foi visto pela última vez na noite do dia 24, discutindo com uma mulher, na frente de uma lanchonete, no bairro Capão Raso. No dia seguinte, o corpo de um homem, carbonizado, foi encontrado dentro de um veículo Gol, no mesmo bairro. A vítima estava com os pulsos algemados. ?Vamos esperar o resultado do exame de DNA para saber se o corpo era mesmo de Marcos. Depois vamos investigar os fatos que cercam o desaparecimento dele, como a discussão que teria acontecido em frente à lanchonete?, disse o delegado Jaime da Luz, da Delegacia de Homicídios.