Quatro integrantes de uma quadrilha de assaltantes, responsável por diversos assaltos na região de Cascavel, foram presos por policiais do Grupo Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gerco), vinculado à Promotoria de Investigação Criminal (PIC), de Cascavel. Até o momento, o grupo já foi reconhecido em três assaltos, mas o capitão Marcos Côndolo, que coordenou a operação, acredita que o número de crimes seja bem maior.

Luiz Camargo da Silva, mais conhecido como "Luizinho", 22 anos; Romerciano Miguel da Silva, 23; Roberto José Bucarri Júnior, 22; e Diomar dos Santos, foram presos na tarde de segunda-feira.

Outros dois quadrilheiros, Thiago Pereira de Souza e Claudemir dos Santos, já estavam atrás das grades há alguns dias.

Roubos

O capitão informou que os bandidos estão sendo investigados desde setembro, quando assaltaram – no dia 3 -, um funcionário da Companhia Cascavelense de Transporte e Tráfego (CCTT), no estacionamento da Prefeitura de Cascavel. Na ocasião, os bandidos levaram R$ 21.544,50 em dinheiro e R$ 53.371,31 em cheques. De acordo com as investigações, participaram deste roubo "Luizinho", Thiago e Roberto. "O Thiago foi quem abordou o funcionário. O Roberto atuou como estagiário neste crime. Ele forneceu as informações sobre a rotina do funcionário", ironizou o capitão.

O grupo ainda é apontado como autor do roubo contra a Clínica Dr. Bibiano SC Ltda; que aconteceu no dia 29 de setembro. Segundo as investigações, Diomar, que é irmão de Claudemir, forneceu as informações para o grupo praticar o assalto.

Côndolo disse que "Luizinho" também forneceu as armas para a tentativa de assalto, que aconteceu no dia 5 de outubro, contra a empresa Scotton & Irmãos Ltda; situada na BR-369, em Cascavel. Deste crime participaram Thiago, Claudemir e Romerciano. Porém na fuga, os marginais cruzaram com policiais militares. No confronto, Thiago foi preso. Na fuga, Claudemir tomou o Santana placa LHK-3525 e se apoderou de dinheiro do motorista do carro. Mas acabou sendo apanhado pelos PMs, após troca de tiros. Por fim, outros quatro integrantes do bando foram capturados.