Cerca de 200 estudantes protestaram, no fim da tarde de ontem, em frente à Casa do Estudante Universitário do Paraná (CEU-PR), na Rua Luiz Leão, atrás do Passeio Público.

Eles reclamam da demora na conclusão da reforma da sede – iniciada em 2008, com previsão de execução em 10 meses. Porém os trabalhos não passaram da metade.

Os manifestantes aproveitaram o Dia da Mentira e se reuniram. Eles carregaram faixas e paralisaram o trânsito, próximo ao Colégio Estadual do Paraná. O protesto durou quase duas horas.

O presidente da instituição, Antônio Marcus dos Santos, afirmou que os trabalhadores a abandonaram a obra há três meses, porque não estavam recebendo da prefeitura.