Policiais da Delegacia de Pinhais, município da Região Metropolitana de Curitiba, prenderam no início da noite desta quinta-feira (24) um homem suspeito de pedofilia. Aldo Antonio Santos Pimentel, 43 anos, estava sendo investigado desde 2008 por ter abusado sexualmente de uma criança de oito anos.

De acordo com o delegado Fábio Renato Amaro da Silva, a família da mesma criança molestada em 2008, hoje com dez anos, foi até a delegacia nesta terça-feira (22) porque Pimentel teria cometido o mesmo crime novamente. Além disso, teria abusado sexualmente de outra criança, em ambos os casos utilizando de força física.

O suspeito foi surpreendido pelos policiais que chegaram em sua residência, localizada na Rua Valtemir Costa Lima. “Pimentel era uma pessoa acima de qualquer suspeita. Um senhor de meia idade, solteiro, sem filhos, tinha emprego fixo e gozava de boa reputação na região onde morava”, afirma o delegado.

Na casa do suspeito foram encontradas fitas de vídeo citadas pela criança como sendo utilizadas para atraí-lo. Ainda segundo o delegado, apesar do suspeito negar o crime, o laudo do Instituto Médico Legal de conjunção carnal deu positivo. “As evidências são claras e Pimentel irá pagar pelos crimes que cometeu”, diz.

O detido foi recolhido à carceragem local, e nos próximos dias será transferido para o Centro de Triagem de Piraquara. Pimentel será autuado por estupro contra vulnerável e pode pegar uma pena de até 24 anos de reclusão.