Ao sair de um bailão, por volta das 3h30 da madrugada de sábado, Amaro Cândido de Lara, 38 anos, foi assassinado com três tiros. Atingido com dois balaços na axila e um no ombro, Mário tombou morto na Rua Miguel Pedroso de Moraes, no Jardim Itaú, em Itaperuçu.

Segundo testemunhas, a irmã da vítima teria presenciado o crime e saberia quem foi o autor, mas a jovem desapareceu. A delegacia de Itaperuçu não tinha informações sobre o que ocorreu. Os policiais civis informaram que a Polícia Militar é que atendeu a ocorrência, embora seja atribuição deles realizar as investigações para esclarecer o caso e prender o autor.

Militares de Itaperuçu também não souberam dar detalhes sobre o crime. De acordo com a assessoria de imprensa da PM, foi apurado no local apenas o nome da vítima.