Um menino de 12 anos, acompanhado pela mãe, seguia de ônibus para um aniversário quando foi abordado e agredido por cinco torcedores do Paraná Clube. O motivo das agressões seria porque ele estava com um moletom do Coritiba na mão. A cena que revoltou a mãe e os outros passageiros, fez com que o motorista do ônibus fechasse as portas e seguisse direto para o CIAC Sul.

Dos cinco rapazes apresentados, quatro eram menores de idade e foram liberados. Outro, de 22 anos, deve responder por lesão corporal. A informação é que foi feito um termo circunstanciado e marcada uma audiência no juizado especial antes dele ser liberado. A vítima sofreu ferimentos no rosto e foi encaminhada para o hospital do trabalhador.