Ao tentar assaltar um mercado em São José dos Pinhais, um homem não identificado foi baleado pelo dono do estabelecimento, no início da manhã de ontem. Socorrido pelo Siate, o indíviduo não resistiu e morreu a caminho do hospital local. O comparsa dele conseguiu escapar. O superintendente Altair Ferreira, de São José dos Pinhais, informou que o comerciante José Valter da Silva prometeu se apresentar nas próximas horas, para explicar o que aconteceu.

De acordo com investigações preliminares, o comerciante já estava cansado de ser vítima de ladrões, tanto que colocou grades para proteger o mercado, situado na Rua Maria Clarice Palack Suekenski, no bairro Afonso Pena. Por volta das 7h40, quando abria o estabelecimento, dois homens se aproximaram e deram voz de assalto. "Temos informações que o comerciante reagiu e feriu um deles. A princípio o rapaz foi ferido com um tiro nas costas e outro nas nádegas, mas aguardamos o laudo de necropsia para confirmar", salientou o superintendente.

Ele disse que na tarde de ontem investigadores da DP foram até o mercado e a mulher do comerciante disse que ele irá se apresentar. "No início havia comentários de que os bandidos teriam assaltado outra pessoa que reagiu, o que não foi confirmado. Vamos aguardar o comerciante para contar detalhes do que realmente aconteceu", disse Altair.

As investigações continuam para identificar e prender o comparsa do morto, que até a tarde de ontem permanecia sem identificação no Instituto Médico-Legal (IML) de Curitiba.

Insegurança

Ontem, moradores do bairro Afonso Pena aproveitaram a situação para reclamar do alto índice de criminalidade na região. Eles contaram que os assaltos são constantes contra residências e estabelecimentos comerciais.