A Rua 1.º de Maio, esquina com a Rua Augusto Muller, na Vila São Pedro, no Xaxim, foi palco de um homicídio na madrugada de sábado. Por volta de 1h, o chapa da Ceasa Daniel Pereira Velaski, morador de Araucária, foi morto por pessoas desconhecidas.

Sérgio Luís Martins, que estava no Bar do Carlinhos, na mesma rua do crime, conta que, por volta de 1h, o dono do estabelecimento foi até a rua e, quando voltou, pediu que todos se retirassem porque havia ocorrido um crime do lado de fora. Ao sair, Sérgio viu Cátia Dinéia Antunes ao lado do corpo.

Ela disse aos policiais que voltava sozinha para casa quando o ex-namorado lhe chamou para conversar naquela esquina. Ao chegar perto de Daniel, uma outra pessoa se aproximou e deu três tiros contra a vítima. Cátia disse que um tiro atingiu a nuca de Daniel e os outros dois tiros foram desferidos quando ele já estava caído no chão. A testemunha não reconheceu o autor. Populares contaram à Delegacia de Homicídios (DH) que o suspeito estaria no Bar do Carlinhos, porém o estabelecimento estava fechado quando a DH chegou ao local. Romilda da Silva, que estava no bar com Sérgio e ouviu os tiros, diz que ao sair do boteco viu Cátia abaixada ao lado do corpo tirando algo do bolso de Daniel. A vítima respondia em liberdade por tráfico de drogas, e seu assassinato está sendo investigado pela DH.