t83081204.jpg

Robson Ribeiro.

A ousadia custou caro para Robson Luiz Ribeiro, 23 anos. Após furtar o Fiat Uno placa BBZ-1010, ele deparou com uma viatura do 13.º Batalhão e deu um cavalo-de-pau com o veículo furtado. Confiando em sua habilidade no volante, Robson ainda tentou escapar, mas acabou se envolvendo em um acidente de trânsito e foi preso, às 23h de sexta-feira.

O soldado Poli, que atendeu a ocorrência, contou que estava em patrulhamento pelas ruas do Capão Raso, próximo ao terminal. De repente, o condutor do Fiat Uno rodopiou o veículo na frente da viatura e depois saiu em alta velocidade. Desconfiados que algo estava errado, os policiais perseguiram o veículo, que entrou na via rápida do Capão Raso, sentido centro. Como o Fiat Uno havia acabado de ser furtado, na Travessa Nei Azevedo, o proprietário ainda não havia dado o alerta do furto.

Minutos depois, Robson colidiu o carro na traseira de um Omega. "Ele ainda tentou sair do veículo para fugir, mas conseguimos detê-lo", salientou Poli. Ele disse que ao verificar o veículo, perceberam que a mixa (chave-falsa) estava na ignição.

Robson contou que já tem antecedentes por furto de veículo. "Só ia dar umas voltas com o carro." Ele disse que fuma maconha e não soube explicar por que deu um cavalo-de-pau com o veículo em frente a viatura. "Sei lá, achei que iam me pegar. Eu estava chapado", alegou.