Aliocha Maurício
Quirino e Narcísio iam visitar parentes em Fazenda Rio Grande.

Quando se dirigiam para a casa de parentes em Fazenda Rio Grande, Quirino Costa, 53 anos, e Narcísio Carminatti, 58, morreram. Eles ocupavam o Fiesta placa MSZ-2142, de Catanduvas (SC), que bateu na cabeceira da estreita ponte na Estrada do Ganchinho, em Fazenda Rio Grande, quase na divisa com o bairro Umbará, em Curitiba, e caiu dentro do rio, na noite de sexta-feira.

O investigador Richard, da DP de Fazenda Rio Grande, apurou que, por volta das 21h, os dois homens estavam na casa de familiares, em Curitiba, quando se despediram e seguiram em direção à casa de outros parentes em Fazenda Rio Grande. Como a estrada ainda é de terra e no local existe uma ponte estreita, em que só passa um carro por vez, os familiares avisaram para que eles tomassem cuidado. ?Eles chegaram a explicar sobre o perigo do local, onde sempre ocorrem acidentes?, disse Richard.

Como os dois homens, que são concunhados, não chegaram ao destino, familiares começaram a se preocupar e pensaram na possibilidade de eles terem sido vítimas de roubo. Na manhã de sábado, os parentes resolveram fazer o mesmo trajeto e encontraram, na ponte, as marcas do acidente. Ao olhar para baixo, viram pedaços do veículo e acionaram os bombeiros e a polícia para retirar o veículo e os corpos do rio. Os corpos das vítimas foram removidos ao Instituto Médico-Legal (IML), em Curitiba. As causas do acidente devem ser apuradas por peritos do Instituto de Criminalística.