Um caminhão desgovernado causou um grave acidente no perímetro urbano da BR-476 no início da tarde desta terça-feira (9). Três pessoas morreram e a pista sentido Porto Alegre está bloqueada. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) orienta os motoristas para evitar a Avenida Victor Ferreira do Amaral, já que o trânsito nas proximidades está muito lento.

O acidente ocorreu por volta das 14 horas quando o motorista do caminhão perdeu o controle e invadiu a pista sentido Porto Alegre colidindo com dois carros (Saveiro e Prisma) e uma moto. Os motoristas do Prisma e da moto morreram na hora. A mulher que estava de carona na moto morreu por volta das 14h30. O motorista do Saveiro não sofreu ferimentos graves e passa bem.

As vítimas que estavam na moto foram identificadas como Jefferson André De Goes e Elaine Rodrigues de Couto. O motorista do Prisma era o cabo Adão Aírton Pinto, da Polícia Militar.

O caminhoneiro, Joelmir Rodrigo Cavali, sofreu apenas ferimentos leves, mas abandonou o local por questões de segurança. Pouco tempo depois se apresentou, assumindo ser o motorista do veículo. Segundo a Rádio CBN Curitiba, Cavali afirmou que a barra de direção teria estourado.

De acordo com testemunhas, o caminhão estava em alta velocidade. Segundo a PRF, não há indícios de que o motorista estivesse alcoolizado. A Polícia Científica está no local e terá um prazo de até 30 dias para apresentar um laudo técnico.

O engarrafamento chega a três quilômetros em ambos os sentidos e a previsão é de que a psita seja liberada no fim da tarde.

Mais informações na edição desta quarta-feira (10) do jornal Tribuna do Paraná.