A polícia divulgou ontem o retrato falado do homem que abusou sexualmente de uma criança, de 10 anos, no Cajuru. O crime aconteceu quando a vítima voltava da escola.

Preocupada com a demora da filha, a mãe foi até o colégio e, no caminho, desconfiou de um homem saindo de um terreno baldio, na Rua Florianópolis, e encontrou a garota, em estado de choque.

O abuso sexual é investigado pelo Núcleo de Proteção à Criança e ao Adolescente Vítima de Crime (Nucria). O tarado tem aproximadamente 25 anos, 1,67 metro, pele clara, cabelos loiros e, no dia do crime, usava calça de moletom preta e camiseta amarela. Informações devem ser repassadas pelo telefone 3244-3577.