O assalto contra uma farmácia na Rua Maestro Francisco Antonello, no bairro Fanny, foi frustrado por um atirador misterioso. Segundo funcionários, Wellington Neves, 23 anos, e Carlos Alexandre Bassani de Lima, 18, invadiram o estabelecimento e mencionaram estar armados. Depois de pegar o dinheiro do caixa e alguns produtos, eles deixaram o local, porém, na porta Wellington foi alvejado.

Carlos ficou desnorteado por causa do barulho dos tiros e foi agarrado por um vigilante que passava pelo local. Rapidamente policiais militares do 13º Batalhão chegaram e prenderam-no. Wellington foi socorrido ao hospital em estado grave. Ele confirmou para os socorrias que não sabia de onde tinham partido os tiros. Carlos foi levado ao Ciac-Sul no Portão. Nenhuma arma foi encontrada com a dupla. Funcionários da farmácia e o vigilante que participou da prisão prestaram depoimento na delegacia.