Duas pessoas, moradoras na invasão Terra Santa, no Tatuquara, foram feridas na noite de sábado e na madrugada de domingo. Uma morreu e outra está internada em estado grave no Hospital do Trabalhador.

Por volta de 21h30 de sábado, Gilberto Gonçalves de Oliveira, 22 anos, foi ferido a tiros, na Rua Professor Aniz Domingos, quase esquina com a Rua Anjolito Buzetti, na Vila Verde, na Cidade Industrial. O Siate foi chamado mas, quando chegou, o rapaz já estava morto. Segundo testemunhas, Gilberto morava no Terra Santa com a amásia e há dois meses estava desempregado. A polícia suspeita que o crime esteja relacionado com o tráfico de drogas na região. Um conhecido disse que o rapaz tinha familiares morando na vila, mas não acreditava que ele tinha ido visitá-los.

Outro

O outro caso ocorreu por volta de 3h30, na Rua dos Amigos, durante uma festa de aniversário. Josmar do Prado Domingues, 19, foi ferido com uma facada no peito, depois de uma discussão. Testemunhas informaram para a polícia que ele se feriu sozinho, revoltado com a briga durante a festa. O fato deverá ser apurado pela polícia. Ele foi socorrido pelos Siate e encaminhado ao Hospital do Trabalhador em estado grave.