Pouco antes de ser assassinado, na madrugada de sábado, o pintor Marcelo Ribeiro Holouka, 19 anos, teria praticado dois assaltos em Araucária. A informação é do delegado Jairo Estorílio, que acredita que Marcelo foi assassinado por seu comparsa, identificado Luís Carlos de Assis Ribeiro, 27 anos. O motivo seria acerto de contas. “Outra possibilidade é ele ter tentado praticar outro roubo e ter sido morto pela vítima”, informou o policial.

No início daquela madrugada Marcelo, Luís Carlos e um menor telefonaram para a central de táxi e solicitaram um carro. Minutos depois, um Santana chegou ao local. O trio entrou no veículo e indicou o destino. Porém, no caminho deu voz de assalto. Por volta das 2h da madrugada, os assaltantes colidiram o táxi. Após o acidente, eles abandonaram o Santana e tomaram de assalto a motocicleta CG-125, de cor azul, placa AJU-3895. Marcelo e Luís escaparam com a motocicleta e o menor fugiu a pé. Às 4h da madrugada a polícia foi acionada para atender o homicídio. Marcelo não portava documentos e a polícia suspeita ser uma desova.

Motocicleta

O delegado disse que o proprietário da motocicleta procurou a polícia e afirmou que um dos assaltantes era Marcelo, que estava acompanhado de outro rapaz. “Inclusive a vítima conhecia o Marcelo, já que os dois moravam no mesmo bairro”, disse Jairo. A pista para chegar em Luís Carlos foi a motocicleta. “Um irmão de Luís Carlos, que é menor de idade, estava passeando com a CG-125 no domingo pela manhã. Indagado sobre a origem do veículo, ele disse que Luís tinha emprestado”, salientou.

Os policiais foram até a casa de Luís Carlos, mas não o localizaram. “O pai dele prometeu apresentá-lo na delegacia. Se o rapaz não aparecer vou solicitar a prisão preventiva”, disse o delegado, informando que o fato de o taxista e do proprietário da motocicleta reconhecerem Luís, já é um forte indício para prendê-lo por roubo. “Certamente o Luís Carlos irá esclarecer o homicídio do comparsa”, enfatizou. Jairo comentou que o irmão de Marcelo, Sérgio Pires Holouka, já foi preso por roubo em Araucária.