p15210505.jpgDono de uma extensa ficha criminal – que inclui crimes de roubo, furto, estelionato, receptação e apropriação indébita -, Advaldo de Lima (foto), 41 anos, conhecido por "Cigano", está sendo caçado pela Delegacia de Furtos e Roubos. Reconhecido com um dos homens que roubou uma empresa de equipamentos eletrônicos no dia 8 de abril, levando R$ 33 mil, ele teve prisão preventiva decretada pela Justiça esta semana, segundo o delegado Antônio Procopiak Neto. Na tarde do dia 8, Advaldo e outros três comparsas invadiram a empresa situada no bairro Novo Mundo, rendendo 18 pessoas, entre funcionários e clientes. As vítimas foram trancadas nos banheiros do local e o quarteto fugiu levando o dinheiro, televisores, aparelhos de DVDs e outros eletrônicos.