A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) adiou para a próxima terça-feira, às 11 horas, a votação do parecer do deputado José Eduardo Cardozo (PT-SP) sobre um recurso do deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ). Jefferson pede a anulação de seu processo de cassação, afirmando que não teve "amplo direito de defesa" no Conselho de Ética da Câmara.

O parecer de José Eduardo Cardozo julgou improcedente a acusação de que Jefferson não teve direito de defesa no Conselho de Ética. Entretanto, o deputado Paes Landim (PTB-PI) pediu para analisar o parecer, e a solicitação foi acatada pelo presidente da CCJ, Antonio Carlos Biscaia (PT-RJ).